Extensão

Política de Extensão

A extensão, na UniFil, visa promover a sua articulação com a sociedade, transferindo para esta os conhecimentos desenvolvidos com as atividades de ensino e pesquisa, captando demandas e necessidades da sociedade para orientar a produção e o desenvolvimento de novos conhecimentos. As atividades de extensão são coordenadas pela Pró-Reitoria de Extensão e Iniciação Científica - PROEIC e executadas, sempre que possível, de forma interdisciplinar. A extensão, aberta à participação da população, visa à difusão das conquistas e benefícios resultantes da criação cultural e da pesquisa científica e tecnológica geradas na Instituição. Na UniFil, a extensão é entendida como um processo educativo, cultural e científico que articula o ensino e a iniciação à pesquisa, viabilizando as funções básicas da Instituição junto à sociedade. Nesse sentido, possibilita uma relação de interação, intercâmbio e transformação mútuas e de complementaridade recíproca entre as diferentes áreas de conhecimento. Além disso, todos os cursos de extensão, jornadas, congressos, seminários, palestras e eventos em geral são atividades acadêmicas que a UniFil oferece e que caracterizam a educação continuada, atraindo uma demanda regional significativa. Essa educação continuada demonstra também a responsabilidade social da Instituição com os diversos segmentos da sociedade.

A extensão tem por objetivos:

  • articular o ensino e a iniciação à pesquisa com as demandas da sociedade, buscando o comprometimento da comunidade acadêmica com os interesses e necessidades da sociedade;
  • estabelecer um fluxo bidirecional entre o conhecimento acadêmico e o popular, buscando a produção de conhecimentos resultantes do confronto com a realidade e a democratização do conhecimento;
  • promover atividades de apoio e estímulo à organização, participação e desenvolvimento da sociedade, a partir de subsídios oriundos de uma convivência aberta e horizontal com a comunidade;
  • possibilitar aos alunos uma prática profissional que contribua para a formação da consciência social e política; e,
  • contribuir para alterações nas concepções e práticas curriculares.
As atividades de extensão são organizadas sob a forma de projetos, cursos e eventos, vinculados aos programas de extensão estabelecidos pela Instituição.  

Programas de Extensão

Os programas de extensão são entendidos como as linhas definidas para o desenvolvimento de atividades de transmissão, produção e socialização de conhecimentos e de propostas curriculares que servem de diretrizes para a organização, o desenvolvimento e a avaliação das atividades de extensão. A PROEIC, de acordo com as diretrizes da Instituição, estabelece programas de extensão nas mais diversas áreas do conhecimento. O caráter extensionista desses programas é confirmado por meio da prestação de serviços à comunidade, aos alunos e aos funcionários da UniFil, oferecendo projetos, cursos e eventos abertos à população externa e interna. Essas atividades realizadas pela UniFil contam, muitas vezes, com parcerias de renomados centros de conhecimentos nacionais e regionais.  

Projetos de Extensão

Os projetos de extensão são caracterizados como um instrumento acadêmico que indica um conjunto de atividades de caráter educativo, cultural, artístico, científico e tecnológico, envolvendo professores e alunos, desenvolvidos com a comunidade, por meio de ações sistematizadas, voltadas às questões básicas da sociedade, como, por exemplo, o meio ambiente, o empreendedorismo, a educação, a transferência de tecnologias, a promoção à saúde e à qualidade de vida, entre outros.  

Cursos e Eventos de Extensão

Os cursos de extensão na UniFil, com carga horária inferior a 360 horas, são propostas de atividades esporádicas, que visam a produzir, sistematizar e divulgar conhecimentos e técnicas, destinados aos membros da comunidade interna e externa da Instituição, numa determinada área de estudos, visando à reciclagem, à atualização ou à produção de novos conhecimentos. Os eventos de extensão são as atividades que dinamizam a relação da Instituição com a sociedade, desenvolvidas sob a forma de seminários, conferências, debates, jornadas, exposições, espetáculos e similares, que traduzem a intensidade da vida acadêmica na Instituição.  

Operacionalização

Para operacionalização da política de extensão, funciona a Pró-Reitoria de Extensão e Iniciação Científica - PROEIC e, vinculada a ela, a Coordenação de Extensão e o Comitê Interno de Extensão e Pesquisa - CIEP, que tem como papel analisar os projetos de extensão a serem aprovados e acompanhar seu desenvolvimento e resultados. Os projetos de extensão, antes de aprovados, passam pela avaliação dos Colegiados de Curso, atendendo, assim, às necessidades dos cursos e às políticas definidas nos PPCs. Os projetos são avaliados pelo CIEP e aprovados pelo CONSEPE. O atendimento à comunidade é um fator primordial para a aprovação. A UniFil desenvolve projetos de extensão em diversas áreas e atua em diversas regiões de Londrina e região metropolitana. Além dos projetos, a PROEIC, em parceria com a Central de Eventos da UniFil e a partir de definições dos Colegiados de Curso, promove cursos e eventos de extensão. Estas atividades visam tanto atender ao corpo discente da Instituição, complementando o aprendizado e possibilitando o contato com conteúdos e discussões que muitas vezes não estão contemplados no elenco de disciplinas, mas previstos nos PPCs, como também atender à comunidade externa, a partir da identificação de demandas e necessidades de formação. Os projetos de cursos e eventos de extensão são avaliados pelos Colegiados de Curso, aprovados pela PROEIC, operacionalizados pela Central de Eventos e desenvolvidos pelos seus proponentes. Além disso, a UniFil mantém programas de parcerias de intercâmbio com instituições congêneres, nacionais e internacionais, tendo como objetivo estabelecer contatos e colaborações em projetos comuns para a transferência de know-how. A UniFil, por meio da PROEIC, realiza programas de cooperação técnica, científica e cultural com os setores empresarial, educacional e governamental visando à troca de experiência entre essas instituições. Seu foco é o desenvolvimento de ações de ensino, pesquisa e extensão. Ainda no que se refere à extensão, a instituição conta com espaços de atendimento à comunidade, vinculada aos cursos de graduação. Configuram-se como clínicas, núcleos de atendimentos e laboratórios especializados, como se segue:
  • Associação Londrinense de Ginástica Artística - ALGA
  • Centro de Empreendedorismo ou Ponto de Atendimento ao Empreendedor
  • Centro de Melhoramento Genético  - GMG
  • Clínica de Educação para a Saúde - CEPS
  • Clínica de Estética e Cosmética
  • Clínica de Fisioterapia
  • Clínica de Podologia
  • Escritório Modelo do Curso de Arquitetura e Urbanismo
  • Escritório Modelo do Curso de Design Gráfico
  • Farmácia Escola - UniFilFarma
  • Hospital Veterinário
  • Instituto Jurídico Empresarial - IJE
  • Núcleo de Consultoria - NuCon
  • Núcleo de Prática de Informática - NPI
  • Núcleo de Prática Jurídica - NPJ
  • Programa Aplicativo Fiscal - PAF-ECF
  • Serviço de Psicologia
A instituição conta ainda com um Programa de Bolsa Extensão, que pode ser ofertada como Bolsa de Extensão, conforme disponibilidade financeira, ou como Bolsa Formação, a partir da oferta de curso de capacitação, com valores equivalentes a Bolsa de Extensão, ficando a modalidade de oferta a critério da instituição. O Programa conta ainda com a busca de recursos junto a Agências de Fomento, com destaque para a parceria instituída com a Fundação Araucária, órgão de fomento do Estado do Paraná, que tem contemplado o Centro Universitário Filadélfia com bolsas de extensão. O programa de bolsas contempla ainda alunos que atuam no atendimento nas clínicas, núcleos de atendimentos e laboratórios especializados, como um incentivo na atuação junto à comunidade local.  

A Curricularização da Extensão

No final do ano de 2018, foi publicada a Resolução CNE/CES 07 de Dezembro de 2018, trazendo uma novidade: a chamada curricularização da extensão. Na prática, estabelece que todos os cursos de graduação devem conter, em suas matrizes curriculares, a extensão. O artigo segundo do documento deixa claro que as atividades devem ser apresentadas como componentes curriculares, e não como atividades previstas no Projeto Pedagógico do Curso - PPC ou na descrição dos Planos de Ensino das disciplinas, e que não se confunde com as Atividades Acadêmicas Complementares - AAC ou com os demais projetos de extensão eventualmente desenvolvidos pela instituição. Além disso, devem estar previstas nos documentos institucionais, como o Plano de Desenvolvimento Institucional - PDI, o Projetos Político Institucional - PPI, e o próprio PPC do curso. Orienta-se a institucionalização, com a criação de um regulamento determinando como funcionará a curricularização da extensão. No artigo quarto, fica estabelecido que a carga horária mínima destinada para a extensão é de 10% do total do curso de graduação, o que vem sendo implantado nos cursos novos, ou nas matrizes reformuladas, a partir do ano de 2020. As atividades devem envolver ou atingir, diretamente, a comunidade externa, e podem ser organizadas como programas, projetos, cursos e oficinas, eventos e prestação de serviços, sendo que para os cursos ofertados na modalidade a distância, as atividades devem ocorrer presencialmente, em região compatível com o polo em que o aluno está vinculado. Respeitando os artigos quinze e dezesseis da resolução, que trata da necessidade de registro das atividades de extensão, as atividades devem ser registradas em forma de projeto, explicitando como as mesmas devem ser desenvolvidas e, ao final, apresentar relatórios, que deixe claro que os objetivos esperados foram alcançados e, caso contrário, os motivos e as ações a serem tomadas. Além disso, por caracterizar-se como componente curricular, deve haver registro em pauta, para efeito de registro acadêmico. Ou seja, há, na UniFil, uma articulação efetiva entre os órgãos institucionais responsáveis pelo ensino e pela extensão.  

Práticas reconhecidamente exitosas e inovadoras

A instituição, nos últimos anos, vem atuando em diversos frentes, em projetos e programas inovadores e exitosos, tais como:
  • Núcleo de Estatística e Diagnósticos (NED): que presta suporte estatístico aos acadêmicos, com atividades que abrangem principalmente o acompanhamento e orientação em análises estatísticas, voltadas para Trabalhos de Conclusão de Curso e Projetos de Pesquisa e Extensão ou Iniciação Científica.
 
  • Centro de Empreendedorismo, em parceria com o SEBRAE, é um ecossistema que promove oportunidades para os alunos adquirirem conhecimento e desenvolverem competências que os apoiem na concretização de suas ideias em negócios. O papel do Centro de Empreendedorismo é facilitar o desenvolvimento dos indivíduos, alinhado ao desenvolvimento dos negócios. O Centro de Empreendedorismo atua em três eixos principais: formação, inspiração e experiência.
 
  • Psico talentos: O evento é realizado anualmente pelo curso de Psicologia, em comemoração ao aniversário do curso, portanto uma confraternização entre alunos, professores e funcionários do curso e da instituição, além de familiares dos mesmos, o evento conta com a participação de diferentes talentos, entre: cantores, bandas, danças, paródia e performance teatral.
 
  • IX Jogos Intercursos: Os Jogos Intercursos é uma atividade dos alunos do 4º ano Educação Física, onde o principal objetivo não é a competição e, sim, a integração dos diversos cursos, conta com a participação de alunos, com disputas em modalidades esportivas.
 
  • Festival de Ginástica UniFil: Evento realizado pelos estudantes do primeiro ano do curso de Educação Física, com apresentações de coreografias e outros movimentos executados por grupos de alunos do próprio curso e a Associação Londrinense de Ginástica Artística (Alga), além de outros convidados. É um festival de ginástica para a comunidade acadêmica e público em geral. Com ingresso solidário (um quilo de alimento destinado às crianças do MEPROVI).
 
  • Hug Day: O dia do abraço reúne dezenas de estudantes em frente à entrada principal do Campus Sede da UniFil, no período da manhã e da noite, numa iniciativa de cinco atléticas (Atléticas X de Fevereiro (Psicologia), VII de Abril (Educação Física e Fisioterapia), XV de Março (Direito), IX de Novembro (Engenharia Civil e Arquitetura) e XII de Novembro (Medicina Veterinária), com a coordenação de alunos de Psicologia e suporte da Reitoria. É um momento de reflexão, de conscientização sobre os perigos da depressão e suas consequências e de alerta ao Setembro Amarelo, mês que desperta a atenção para os riscos de suicídio.
 
  • Cursos de Férias: No ano de 2020 a UniFil chegou a 20ª Edição dos Cursos de Férias, ofertando cursos práticos e teóricos que garantem qualificação técnica e profissional, sendo uma importante oportunidade para investir em sua carreira, enriquecendo seu currículo. São cursos de capacitação, aprimoramento e de conhecimento geral, com temas aplicáveis ao seu dia a dia, reunindo docentes e profissionais de diversas áreas. O número de inscrições ultrapassou os vinte mil, no ano de 2020.
 
  • Projeto Restaurando Londrina: o Projeto Restaurando Londrina 'Justiça Restaurativa', foi fundado no ano de 2014 pela proposta de Professores e Alunos dos Cursos de Direito, Psicologia e Teologia para atuar na solução de conflitos criminais por meio da conciliação. Um dos principais objetivos é capacitar futuros profissionais com visão conciliadora e pacificadora, não apenas com enfoque de punição, e sim ressocialização.
 
  • Rota de Talentos UniFil: é um canal de oportunidades, que conecta o aluno às melhores vagas de emprego e de estágio não obrigatório, atuando de forma diferencial para que os alunos estejam inseridos no mercado de trabalho, garantindo alto índice de empregabilidade entre os acadêmicos, reflexo da qualidade de ensino e do suporte ao desenvolvimento estudantil. São inúmeras oportunidades de emprego ofertadas semanalmente, através do contato com as empresas parceiras da instituição, com divulgação no Portal do Aluno, garantindo acesso às vagas exclusivas para alunos e ex-alunos da UniFil.
 
  • Hackathons: A UniFil, através do seu Centro de Empreendedorismo e Inovação, agrupa seus alunos em times multidisciplinares e os incentiva a olhar a seu redor e buscar soluções para as “dores” que o mercado e a sociedade enfrentam, sob orientação de docentes. E as ideias e soluções criadas pelos times são classificados por uma seleta banca formada pelos experts das áreas. Desta forma, a UniFil tem coordenado os chamados “Hackathons”, em parceria com o Sebrae. Estas competições proporcionam, em regra, remuneração em dinheiro, direta ou indiretamente, honrarias, destaques na imprensa e melhora da qualidade de vida da comunidade em que estamos inseridos. Além disso, os hackathons tem servido como vitrine para a empregabilidade dos alunos. Trata-se de uma aproximação fantástica entre academia e mercado, incentivo ao raciocínio e empatia, à multidisciplinaridade e à busca pelo bem coletivo.
 

Relação de Projetos Desenvolvidos no Ano de 2021

TÍTULODOCENTE COORDENADORDOCENTES ENVOLVIDOSCURSOS DE GRADUAÇÃO
Aprendendo a EnsinarSERGIO AKIO TANAKASERGIO ANTUNES DE ALMEIDA / RICARDO INACIO ALVARES E SILVA/TANIA CAMILA KOCHMANSCKY GOULART/SIMONE SAWASAKI TANAKACIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO
MÃOS QUE CONFORTAMMYLENA CRISTINA DORNELLASTALITA OLIVEIRA DA SILVAESTÉTICA E COSMÉTICA
Grupo de Extensão Rural e Assistência Técnica – GERATECFABIANE APARECIDA SABINO ALVIMDANIELA BORTOLI BECEGATTO/DENIS VINICIUS BONATO/CAMILA BORTOLIERO COSTA GIOVANNETTIMED. VET.
UNIFIL aberta a comunidadeMIRIAN RIBEIRO ALVES MAIOLAMIRIAN RIBEIRO ALVES MAIOLAAGRO./NUTRI/MED. VET.
MIDIATECA TFG UNIFIL: EXPOSIÇÃO ONLINE DOS TRABALHOS FINAIS DE GRADUAÇÃO DO CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO.IVAN PRADO JUNIORELISA ROBERTA ZANONARQUITETURA
O PATRIMÔNIO CULTURAL DA VILA CASONIIVAN PRADO JUNIORCARLA DE BARROS CAIRES GREVE / ELISA ROBERTA ZANONARQUITETURA
DOUTORES DA BELEZAMYLENA CRISTINA DORNELLASTALITA OLIVEIRA DA SILVAESTÉTICA E COSMÉTICA
RUMO AO PÓDIOLUCIEVELYN MARRONELAISA DE PAULA POSSANI / GUILHERME HENRIQUE DANTAS PALMANUTRIÇÃO
Zoneamento Ilustrado para Londrina-PRIVAN PRADO JUNIORESTHER ENCINAS AUDIBERTARQUITETURA
Atuação em Nutrição e Alimentação EscolarLUCIEVELYN MARRONEREJANE CAETANINUTRIÇÃO
Inovação e Empreendedorismo na Agronomia e na Medicina VeterináriaFABIANE APARECIDA SABINO ALVIMGABRIELA VIEIRA SILVA / FABIANE APARECIDA SABINO ALVIM /NATALIA ALBIERI KORITIAKI / DENIS VINICIUS BONATOMED. VET.  AGRONOMIA
PREVENÇÃO CONTRA A COVID -19: UMA QUESTÃO DE CONSCIÊNCIABERNADETE LOURDES DA SILVA                                      MATHEUS TOLEDO BECHARABERNADETE LOURDES DA SILVAADM - EAD
ACOMPANHAMENTO À PRÁTICA HOSPITALAR E MÉTODOS DIAGNÓSTICOS EM MEDICINA VETERINÁRIADANIELA BORTOLI BECEGATTOFABIANE APARECIDA SABINO ALVIMMED. VET.
RESTAURANDO LONDRINA - PRÁTICAS DE JUSTIÇA RESTAURATIVAJOÃO RICARDO ANASTÁCIO DA SILVAVINICIUS BONALUMI CANESIN /MARIANI BORTOLOTTI FIUMARIDIREITO
PROJETO DE EXTENSÃO DOS CURSOS DE COMPUTAÇÃO DA UNIFIL – FUNDAMENTALSERGIO AKIO TANAKAANDERSON EMIDIO DE MACEDO GONCALVESCIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO
PROJETO DE EXTENSÃO DOS CURSOS DE COMPUTAÇÃO DA UNIFIL – ENSINO MÉDIOSERGIO AKIO TANAKAANDERSON EMIDIO DE MACEDO GONCALVESCIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO
URBAN ACT _URBANISMO PARA TODOS.IVAN PRADO JUNIORCARLOS AUGUSTO DA SILVAARQUITETURA
ARBFIL - EQUIPE DE ARBITRAGEM DA UNIFIL.OSMAR VIEIRA DA SILVASERGIO AZIZ FERRARETO NEME                                          LOREANNE MANUELLA DE CASTRO FRANCADIREITO
 

Edital para Inscrição de Projetos (DOWNLOAD)

Mais Informações

PROEIC – Pró-reitoria de Extensão e Iniciação Científica. Segunda a sexta-feira, das 08h às 12h e das 13h30 às 18h Rua Alagoas, nº 2015, Centro, Londrina – PR (Campus Ipolon) 43 3375 7348 / 3375 7418 atendimento.extensao@unifil.br